segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Série: PALAVRAS - ESTUDO 3

"Fé X Palavra – A mulher hemorrágica"
(LEITURA: Marcos 5: 25 a 34)

Nas últimas duas semanas conversamos sobre o poder das palavras que saem da nossa boca, e como elas podem mudar as circunstâncias a nossa volta. É maravilhoso entendermos isso e sermos mulheres de Fé. Mas existe uma realidade a se encarar: nem sempre aquilo que profetizamos acontece. É fato. Então questionamos: porque algumas pessoas são curadas e outras não? Porque alguns sonhos são realizados imediatamente e outros não?

Particularmente, creio que há muitas coisas que envolvem esse Reino Espiritual onde as palavras tomam forma, assim como a Bíblia diz que no início era o Verbo, e o Verbo se fez carne. Ao mesmo tempo, creio mesmo no poder das Palavras, porque isso é Bíblico. E então, procuro sempre exercitar essa minha Fé, proclamando palavras de bênçãos sobre a minha casa, meu marido, minha filha, meus familiares. Você pode fazer isso. Mas há um ensinamento importante que gostaria de compartilhar com você. Vamos primeiro conhecer a história da mulher hemorrágica, conforme o texto que lemos.

Essa era uma mulher que sofria muito. Naquela época, o fluxo de sangue tornava a mulher impura, e enquanto sangrasse, ela não poderia tocar em nada – pois aquilo que ela tocasse se tornaria impuro também – e é claro, ela também não podia ser tocada. No caso dessa mulher, ela vivia assim há 12 anos. Consegue imaginar? Isolada, desprezada, solitária, descriminada. Porém, ao crer que sua salvação estava em Jesus, ela declarou com Fé: “se eu apenas o tocar, serei curada”. E assim o foi. Aquela mulher teve fé para visualizar sua cura, estender a mão e esperar o milagre. E de onde vem uma fé como está? Vem de Deus. Ele nos dá o desejo de buscá-lo. Quando alimentamos esse desejo, Ele nos dá fé para crermos em seu poder.

Porém, como já dissemos antes, parece que nem sempre as coisas acontecem simplesmente por causa da nossa Fé, embora a Bíblia diga que tudo é possível ao que crê. Vamos então aprender hoje algo fundamental para nossa caminhada.

Existem na Bíblia duas definições gregas para o termo “Palavra”. Em suma, temos a “Logos”, que é a Palavra Escrita e a “Rhema”, que é a Palavra Revelada. Quando lemos a Bíblia, estamos lendo “Logos” - palavra escrita. Quando, porém, ouvimos o Espírito Santo falar diretamente em nosso espírito, ouvimos “Rhema” - palavra revelada. No entanto, uma não vive sem a outra. Não existe Revelação (Rhema) que não se harmonize, coincida e se expresse direta ou indiretamente na Palavra de Deus escrita (Logos – a Bíblia). E não há como provar o poder de Deus apenas pela escrita, pela letra, por Logos. A própria Bíblia diz que a “a letra mata, mas o Espírito vivifica” (2 Corintios 3:6). Então, ao declararmos uma Palavra, para que ela se cumpra, não basta ser a Logos. Precisa ser uma palavra Rhema. Vou dar como exemplo uma história real sobre o uso dessas duas palavras.

Na Coréia do Sul houve um grupo de jovens que viajou de muito longe para assistir a pregação de uma mulher que era extremamente usada por Deus, ministrando milagres e muitas curas. Porém, quando chegou ao local, o grupo descobriu que a pregação aconteceria do outro lado do rio – que estava cheio, com correnteza forte e impossível de se atravessar. Três daquelas jovens então se lembraram de que Pedro andou por sobre as águas. Oraram com Fé e entraram rio adentro para andar por cima das águas e atravessar o rio. Mas o resultado foi triste: morreram afogadas. O episódio serviu para muitos questionarem até onde a nossa Fé pode mesmo salvar. Mas na verdade, houve ali um ato de displicência com a palavra de Deus. Lembra-se do que Jesus respondeu quando foi tentado no deserto e Satanás, usando a Palavra de Deus, disse “Joga-te aqui do alto e o Senhor o guardará porque a seus anjos dará ordens a seu respeito”? Jesus respondeu (também com a Palavra de Deus): “Está escrito: não tentarás o Senhor teu Deus”. (Mateus 4: 5 a 8).

Mas você pode ainda se perguntar: por que essas moças morreram se elas creram na Bíblia? A Bíblia não mostra que Pedro andou sobre as águas e que Jesus era com ele? Sim. Porém, quando Pedro pediu para andar sobre as águas com Jesus, o Mestre lhe respondeu: “Vem”! E disse a quem? A Pedro. Em que momento? Num momento em que Pedro precisava provar do Poder de Jesus. Note que foi Jesus (o Logos de Deus) que produziu a Palavra Rhema que fez Pedro andar sobre as águas. Isso prova que Rhema está intrinsecamente ligado a Logos. Em outras palavras, o que Deus fala ao nosso coração e ao nosso espírito, estará sempre associado e em plena concordância com a Bíblia.

Rhema então é a Palavra bíblica (Logos) revelada (com o poder de executá-la) pelo Espírito Santo de Deus, num momento específico, para uma pessoa específica, para um fim específico. Logos é uma palavra histórica, porém criativa, ou seja, Logos revela algo que Deus disse e aconteceu. Porém Rhema é uma revelação específica, para uma pessoa específica numa situação específica.

Então, podemos concluir que muitas vezes aquilo que declaramos não acontece porque não está de acordo com a vontade de Deus para nossa vida ou não foi uma ordem expressa do Espírito Santo – pelo menos não naquele momento. Muitas vezes queremos que os nossos desejos se realizem, e não os do Senhor. Justamente por isso, precisamos buscar estar sempre em sintonia com a vontade de Deus para nossas vidas, a fim de que saibamos qual a Palavra Rhema que Ele tem para cada uma de nós. E como fazemos isso?

Em primeiro lugar, lendo a Bíblia, pois como dissemos, a Palavra Rhema (a revelação de Deus para nós) vem através da Palavra Logos (aquilo que está escrito na Bíblia). Quando conhecemos a Bíblia, não nos enganamos com nossos próprios pensamentos. Certa vez, por exemplo, uma mulher me disse que o Espírito Santo revelou que ela deveria separar-se do marido pois Deus tinha algo melhor para ela. Claro que essa não era a voz do Espírito. Se ela conhecesse o que diz a Bíblia a respeito do divórcio, saberia que Deus nunca lhe pediria algo que é contrário a sua Palavra.

Em segundo lugar, devemos orar para que Deus coloque em nós o Seu desejo. Filipenses 2:3 diz que “Deus é quem efetua em nós tanto o querer quanto o realizar, conforme a Sua vontade”. Também diz a Bíblia “Agrada-te do Senhor, e Ele satisfará os desejos do teu coração” (Salmos 37:4). Deus sempre vem a nós através do nosso desejo santificado. Se buscarmos o centro da vontade de Deus, o Espírito Santo produzirá em nós sonhos e desejos conforme o querer do Pai. E assim sim veremos o realizar de cada um deles. Aliás, de TODOS eles, pois a Bíblia diz “Bem sei Senhor que tudo podes, e nenhum dos Seus planos será frustrado” (Jó 42:2).

Feito isso, é só esperar o momento certo para o agir de Deus. E é claro, parece simples mas é tarefa difícil. Esperar confiantemente não é nosso forte. Mas lembre-se que a mulher hemorrágica esperou 12 anos. David Young Cho escreve: “O tempo sempre é uma prova. Se esperar com paciência, seu próprio desejo e o desejo de Satanás tornar-se-ão cada vez mais fracos, mas o desejo do Espírito Santo, cada vez mais forte. Por isso espere e receba o desejo divino.”

Portanto, se você deseja ser uma mulher de Deus e usufruir de todo poder e vitória que já nos foram garantidos na Cruz de Cristo, caminhe não apenas conhecendo a Jesus de ouvir falar, mas andando intimamente com Ele. Caminhar em santidade e em comunhão com Deus é uma escolha que cada uma de nós pode fazer. Você pode ser salva e ainda assim não caminhar em triunfo. Mas pode ser salva e provar do sobrenatural de Deus aqui na Terra. Eu fico com a segunda opção. A parte de Deus, Ele já fez e está fazendo. A minha, é querer estar cada vez mais perto Dele, conhecendo a Palavra, orando, jejuando, renunciando aos desejos da minha carne e abrindo mão do pecado e daquilo que me faz pecar. Todos os dias, quando acordo, peço ao Espírito Santo que esteja agindo em mim e através de mim, me livrando do meu próprio eu durante o dia, não deixando que a minha vontade seja feita, mas a Dele. Também peço que Ele mesmo cumpra os propósitos que tem para minha vida naquele dia. E assim prossigo com a certeza de que Deus está no controle da minha vida, mesmo quando as coisas não acontecem do jeito que eu quero. Vou louvando, profetizando e tentando enxergar pela Fé minha vitória e o realizar dos meus sonhos. Vamos juntas? Será um prazer ter você comigo nessa caminhada! Que o Senhor nos faça mulheres cheias de Fé e Poder, conforme a palavra Rhema que Ele tem para cada uma de nós! Amém!#

Um comentário:

  1. Muito tremendo esse estudo, verdadeiramente para nós, é muito difícil esperar. Mas quando cremos q Deus tem algo grande p nossa vida, o esperar não se torna tão difícil assim, pois confiamos q o Seu tempo é o melhor p nós.

    Vamos juntas sim Pastora amada..

    ResponderExcluir