terça-feira, 10 de agosto de 2010

Série: Desvendando Provérbios 31 - Estudo 9

“XÔ PREGUIÇA!”
(Leitura: Provérbios 31: 27)

Já falamos anteriormente sobre a mulher virtuosa ser aquela que não tem preguiça de acordar cedo, cuidar dos filhos, da família, dela mesma e quem sabe, trabalhar! Mas como o assunto é retomado no texto de Provérbios 31, vamos pensar hoje sobre a “PREGUIÇA”. Para isso, usaremos um testemunho que encontrei na Internet, de uma mulher, Shirley Varjão. Ela é uma profissional liberal que aprendeu a vencer a preguiça.

Ela diz assim:

“Por mais que o preguiçoso deseje alguma coisa, ele não conseguirá, mas a pessoa esforçada consegue o que deseja.” Provérbios 13:4

Muitas vezes ficamos admiradas quando vemos pessoas que estão se destacando na vida e pensamos: que pessoa de sorte! E nos sentimos desprivilegiadas ou mesmo menos amadas por Deus.Entretanto, sei que as vitórias em nossas vidas não são questão de sorte, aliás, a mulher quer crê num Deus vivo não depende do acaso para vencer. Atrás de uma história de vitória há muito esforço e trabalho.

Descobri que um dos segredos do sucesso está na disciplina. Até para buscar a Deus e ter um relacionamento verdadeiro com ele precisamos de esforço e disciplina. Por isso, uma das atitudes que tem roubado de muitas mulheres uma vida de vitória é a preguiça. Isso mesmo. Há mulheres que têm uma vida relaxada, sem nenhuma organização. E isto com certeza trará como resultado uma existência medíocre.

Se você, por exemplo, perdeu muito tempo jogada num sofá assistindo tudo que aparecia na televisão, com certeza você teve uma baixa produtividade e no seu coração há uma sensação de inutilidade e desânimo. Não estou dizendo que você não terá dias difíceis em que ficará deitada no sofá (todo mundo tem dias assim). Também não quero que você pense que a disciplina é tudo em sua vida, pois sua fé é tudo em sua vida. Mas é preciso dar um basta à preguiça se quisermos alcançar nossas metas diárias e realizar nossos sonhos.

Sei também que existem áreas na minha vida e na sua que são difíceis de administrar e que uma coisa que é simples para mim pode parecer a você uma impossibilidade. Mas todas podemos tentar e conseguir! Não existem motivos para vivermos uma vida entregue à preguiça e ao desleixo. Há mulheres, por exemplo, que se entregam a preguiça e só querem fazer coisas nas quais sentem prazer. Assim, elas se irritam quando tem alguma responsabilidade. Algumas são ótimas na vida profissional porque amam seu trabalho, mas quando se trata delas mesma, do tempo que tem disponível para investir em seus sonhos e família, são desleixadas. E na maioria das vezes, porque ficam “com preguiça”.

Mas... Mulher, se você já está acostumada a ter uma vida preguiçosa e quando tenta sair não consegue deixar essa rotina, peça a ajuda de Jesus! Fale para Ele, peça perdão pelo tempo perdido com coisas sem importância e diga a Ele que você quer uma oportunidade de ter uma vida melhor. Seja sincera, diga que sozinha não está conseguindo. Vença este estado de desânimo!

Hoje tenho uma vida sólida com Deus mas quero te falar que houve dias em que tive que ir para o meu canto de oração ‘na marra’. Houve dias em que comecei orando e terminei dormindo e houve dias em que realmente não consegui orar. Mas eu não me entregava, no outro dia estava eu lá novamente. Confesso que se fosse orar somente nos dias em que estava entusiasmada minha vida de oração seria um fracasso. E Isso é somente um exemplo.

O testemunho da Shirley termina aí. Mas antes de encerrar, quero te dar uma palavra de encorajamento: muitas vezes, não conseguimos cumprir o propósito para o qual fomos criadas porque temos preguiça. Então minha amada, erga a cabeça, lave seu rosto e vá em frente! Com certeza, alguém está precisando de você hoje! #

2 comentários:

  1. Olá Rosana. Li este post e fui ministrada por essa palavra. Fiquei muito feliz em encontrar este blog. Que Deus continue iluminando sua mente para que, através desses estudos, pessoas sejam tocadas. Um super beijo. Ah, estou copiando seus estudos para usar nas minhas devocionais. Mirella

    ResponderExcluir
  2. ALBUQUERQUE, OLÁ TENHO ACOMPAPANHADO ESSES ESTUDOS E TEM SIDO UMA BENÇÃO E DE TEMANHA RIQUEZA ESPIRITUAL, TERMINEI DE LER SEU LIVRO TBÉM, MUITO ABENÇOADO, PENA QUE NÃO TEREMOS O ULTIMO ESTUDO, QUE PENINHA, POIS NÃO MORO NO CHAPADÃO, MAS ESTAREI NO CHÁ SE DEUS NOS PERMITIR, DEUS ABENÇÕE A TODOS VCS, BJINHOS

    ResponderExcluir