quinta-feira, 10 de junho de 2010

Série: Desvendando Provérbios 31 - Estudo 6

Uma mulher cuidadosa (Parte 2)

Hoje vamos continuar falando dessa mulher virtuosa que é uma mulher cuidadosa. Como vimos anteriormente, esses três versículos nos falam de uma mulher que cuida do próximo (v.20), cuida da família (v.21) e cuida dela mesma (v. 22). Nossa ênfase agora será no cuidar do marido.

Dia desses eu conversava com uma amiga e nós demos risada quando falamos que nossos maridos, antes de se casar, moravam sozinhos, passavam suas próprias roupas e até cozinhavam, mas depois de casados, parece que ‘desaprenderam’ tudo. Isso pode ser motivo de irritação para algumas esposas, mas quero te convidar a pensar diferente. Pense na importância que você tem para seu marido. Ele precisa de você para coisas corriqueiras e também na hora de tomar grandes decisões. Quando Deus nos fez auxiliadoras ele já sabia que um homem precisaria da nossa companhia.

Pode ser que quando falamos de submissão, de uma mulher que cuida dos filhos e agora, que cuida do marido, você pense que esse tipo de comportamento é arcaico e não combina com nossa vida moderna. Mas faço minhas as palavras de uma autora americana que quando questionada sobre o assunto disse que “realmente é algo arcaico, mas, se no século XXI um em cada dois casamentos não dá certo, é porque estamos fazendo alguma coisa não funcionar direito, então é melhor se voltar ao Criador da máquina e dar uma olhada corretamente no manual de instruções”. É arcaico, mas pode ser melhor que o novo.

Deus não fez a mulher para ser a chefe da casa. Um corpo com duas cabeças é um corpo deformado, e I Corintios 11:13 diz ser “Cristo o cabeça de todo homem, e o homem, o cabeça da mulher”. Lembra-se da Criação? Deus fez primeiro o homem, e ao vê-lo só, resolveu fazer para ele uma auxiliadora. Pois é. Não adianta ter “chilique”. Você foi feita para seu marido. Para suprir as necessidades dele, para amá-lo, honra-lo e respeitá-lo.

Claro que muitas de nós sonhavam em se casar com o príncipe encantado e descobriram que casaram com o sapo ou talvez... com o cavalo do príncipe. Mas se esse é o seu caso, não desanime. Faça a sua parte, e Deus irá honrá-la. Por isso é fundamental ter intimidade com o Senhor para ser uma mulher virtuosa. Só mesmo o Espírito Santo pode nos capacitar para tal tarefa diante de determinadas circunstâncias. Mas se o beijo transforma o sapo em príncipe, suas atitudes de amor transformarão seu esposo também! Creia nisso, em Nome de Jesus!

Aprendi que nosso cuidado para com nossos maridos não deve se basear apenas em sentimentos, mas em compromisso. Precisamos tomar a decisão de não romper o compromisso de amá-lo, mesmo naqueles dias em que os hábitos desagradáveis dele nos fazem sentir uma vontade louca de, quem sabe, ‘esganá-lo’! Se você decidir não romper com esse compromisso, os sentimentos poderão acompanhá-la, e aí, se for o caso, você “sentirá” de novo que ama seu esposo. Há uma frase que você deve guardar em seu coração e falá-la naqueles dias em que tudo parece ‘tão difícil’: ”Casei-me com meu marido porque o amava; agora amo meu marido porque me casei com ele.”

Cuidar integralmente do marido envolve dar a ele o privilégio de ser líder e sacerdote do lar. Só uma esposa sábia e virtuosa pode dar esse presente. Para isso, não podemos, como esposas, tirar as rédeas das mãos dele.

Mas cuidar integralmente significa também suprir as necessidades dele: cozinhar para ele, cuidar das roupas dele, ajudá-lo a ter uma boa aparência, preocupar-se com a saúde dele, manter a casa em ordem para que ao chegar ele sinta-se bem e confortável. É ajudá-lo a progredir e ser uma pessoa melhor. É bom para nós, mulheres, sermos parte de um processo de transformação e progresso na vida de alguém, e em especial, dos nossos maridos. Mas não estou aqui falando em mudança de personalidade ou caráter. Se você se casou com um homem quieto, não pode querer transformá-lo agora num ‘tagarela’. Algumas mudanças são necessárias e fáceis. Outras levam tempo. Outras são coisa da nossa cabeça. O melhor então é para de falar e orar. Apenas orar – para que Deus cuide de transformar o que realmente importa, em nosso marido ou em nós mesmas.

Como já dissemos antes, a vida moderna provocou algumas mudanças na vida da mulher. Hoje algumas de nós trabalham e são excelentes profissionais. Mas, mesmo que não seja você quem cozinha, cuida das roupas ou limpa sua casa, cabe a você, como mulher virtuosa, “dar ordem às suas servas” (v.15) e zelar para que tudo na sua casa funcione bem. Como diz o versículo 21, sendo mulheres assim, não temeremos o futuro, pois saberemos que cumprimos com nosso dever e o que não está ao nosso alcance, Deus fará por nós.

O cuidado integral também exige de nós que satisfaçamos nossos maridos sexualmente. O sexo é um presente de Deus aos casados, e a Bíblia nos ensina a não privarmos nosso cônjuge dessa benção (I Coríntios 7:3 a 5). Você não é escrava dele, mas, se a vida sexual é um peso prá você, cuide de mudar isso. Faça o que estiver ao seu alcance para que os momentos de intimidade entre vocês sejam agradáveis e satisfatórios. Converse com ele. Resgate o romance entre vocês. Não fique apenas imaginando o que gostaria que ele fizesse. Faça você também por ele. Não deixe o amor entre vocês se esfriar. Temos um inimigo que quer nos destruir e à nossa família, começando pelo nosso casamento. Se as mulheres virtuosas são como uma jóia de grande valor, é claro que existem ‘piratas’ querendo roubar esse ‘tesouro’ dos nossos maridos. Então, cuidado com as influências e com o desgaste na sua vida conjugal. Não se torne alvo fácil para esses ladrões de tesouros... Tenho um ‘pai’ espiritual que ensinou a mim e ao meu esposo que na vida sexual devemos sempre manter um ao outro “de barriga cheia”, porque quem se alimenta bem em casa não precisa sair a procura de se saciar em outros lugares.

Enfim, cuide de seu marido honrando-o, respeitando-o, encorajando-o. Faça-o se sentir orgulhoso por ter escolhido você como esposa. Mostre-se orgulhosa por ter sido escolhida por ele. Aliás, se vocês trocassem de lugar – se você fosse ele e ele fosse você – será que você estaria feliz? Será que você diria que é uma companhia agradável? Pense nisso e reflita sobre suas atitudes e palavras nos últimos dias. Que tipo de jóia preciosa você tem sido para seu esposo?#

(Para deixar suas impressões sobre esse estudo clique abaixo em “comentários”)

4 comentários:

  1. É muito bom ouvir e estudar novamente este assunto, pois estamos sendo bombardeadas neste século a sermos mulheres totalmente diferentes do plano original de Deus. Precisamos a cada dia reconhecermos o nosso papel de esposa e trabalhar com zelo para mantermos um relacionamento segundo o coração de Deus.
    Este ministério tem nos abençoado muito aqui no RJ. Obrigada por disponibilizar esses estudos. Particularmente, tenho sido muito abençoada com eles.
    Abraço à todas e que Deus as abençoe rica e abundantemente.

    ResponderExcluir
  2. Este último estudo "Uma mulher cuidadosa" foi uma benção no nosso grupo, alias todos foram porém este me chamou atenção pela alegria e participação de todas.
    Na parte III, sobre cuidar de si mesma, (consequentemente agradando ao marido e aos filhos) aprendemos a cuidar da nossa alma ja que ela reflete na nossa beleza exterior. O assunto rolou quando falamos sobre o guarda-roupa, moda e outras coisinhas mais...o assunto foi tão interessante que pasmem! levantamos uma campanha para abolir os pijamas..kk as camisolas vamos dizer assim "confortaveis mas desanimadoras", sabe aquela que já “expirou o prazo de validade”, bem como as demais roupas de dormir. E quem não tem uma dessas no seu guarda-roupa que atire a primeira pedra!! Rsrs.
    Tudo com a intenção de agradar os nossos maridos, que são presentes de Deus! E também melhorar muitas outras coisas kk..não é?! No próximo encontro vamos apresentar estas peças as nossas colegas e dar testemunhos que nos desfazemos delas. Não Vejo a hora de chegar logo a terça!! vai ser demais..rs
    Eu louvo a Deus por estas reuniões e pelo meu grupo (Iolanda e Estela),todas! mulheres abençoadas que diariamente tem buscado a presença de DEUS e todas as virtudes citadas no livro de provérbios 31. Que Deus abençõe grandemente todas as mulheres desta cidade em nome do nosso Senhor Jesus!!
    Pastora Rô, que o Espírito Santo de Deus inunde sua alma cada dia mais e mais, derrame bençãos sem medida sobre vc e sua família.

    Bjos a todas

    Fran

    ResponderExcluir
  3. OLÁ...TENHO ACOMPANHADO ESSE BLOG..QUE POR SINAL TEM SIDO UMA BENÇÃO EM MINHA VIDA..
    ESTOU TERMINANDO DE LER SEU LIVRO: DIAS FELIZES VIRÃO...MUITO BOM..TENHO APRENDIDO MUITO...E ORO AO SENHOR TODO PODEROSO QUE CONTINUE ABENÇOANDO SUAS VIDAS E MINISTERIOS...FIQUEM NA NA PAZ DO SENHOR..ABRÇS...ROSE- SANTA FÉ DO SUL-SP

    ResponderExcluir
  4. Embora ainda não seja casada, tenho a bênção de aprender antes, tudo o q posso fazer para ser uma boa ou melhor, uma ótima esposa. Esses estudos têm sido uma maravilha, pois tenho aprendido a cada dia como ser uma mulher, esposa e mãe virtuosa...
    Quero cada vez mais ler, ouvir e aprender com testemunhos de mulheres q considero realmente virtuosas, e q Deus as tem feito assim também.
    E vc é uma dessas mulheres Rô, que Deus continue te usando muuuuuito mais mesmo...

    Bjão
    GI

    ResponderExcluir